Dia-a-dia de um distrito rural, doze concelhos e meia dúzia de pequenas cidades encravadas nas montanhas mais a norte de Portugal
25 de Dezembro de 2010

Cuidados a ter no momento da compra:

  •      Fazer sempre uma lista de compras com as quantidades necessárias – limite-se a comprar apenas o necessário
  •      Planeie e estruture a ceia
  •       Prefira os produtos a granel para não comprar grandes quantidades

Cuidados a ter nos dias 24 e 25

  • ·       Cozinhe apenas as quantidades necessárias para cada refeição, exactamente como faz nos restantes 363 dias do ano
  • ·       Caso existam, aproveite os restos do jantar de dia 24 para confeccionar as refeições de dia 25
  • ·       Aproveite os talos das couves ou grelos para o enriquecimento da sopa ou congele-os para futuras utilizações
  • ·       Utilize as sobras das frutas para compotas ou sumos
  • ·       A água das cozeduras pode ser aproveitada para sopas, estufados, ou outros cozinhados, uma vez que é rica em nutrientes
  • ·       Aproveite os frutos secos para enriquecer os bolos
  • ·       Reutilize as cascas das maçãs e peras na confecção dos bolos. Não só incrementa a fibra como reduz a adição de açúcar

Transformação de alguns alimentos

  • ·       Transforme as batatas e o bacalhau em roupa velha
  • ·       Das carnes e enchidos faça bôla de carne ou empadão
  • ·       Reutilize o bacalhau para pataniscas

 

 

 

BOAS FESTAS!

 

 

Associação Portuguesa de Nutricionistas

Alexandra Bento

publicado por Lacra às 10:00
22 de Dezembro de 2009

Durante as férias de Natal e para dar resposta às necessidades dos pais quanto aos tempos ocupacionais dos filhos nesta época do ano, a Câmara Municipal criou os ateliers “Férias de Natal” a desenvolver na Biblioteca local.

Estes ateliers consistem em jogos de comunicação e expressão, actividades aos ar livre, música, dança, expressão plástica, musical, actividades de culinária e desportivas.

Para além, de sensibilizar as crianças para a importância desportiva e animação como factor de socialização pretende-se ainda criar e fortalecer hábitos de ocupação do tempo livre de forma positiva.

Ao mesmo tempo deseja-se motivar as crianças para a descoberta e participação nas tradições mirandesas e leva-las a descobrir o património tradicional.

De referir ainda, que estas actividades decorrem de 21 a 31 de Dezembro.

publicado por Lacra às 07:00
21 de Dezembro de 2009

Celebrar o Natal na família escolar e sem esquecer aqueles que mais precisam. Este foi o objectivo do II Café-concerto Natal Solidário que reuniu centenas de pessoas em volta da música proporcionada por várias bandas da cidade transmontana. Esta actividade realizada no passado dia 17 de Dezembro, no Mercado Municipal de Bragança, foi organizada pelos professores de Educação Moral e Religiosa Católica da cidade de Bragança. Depois do sucesso da primeira edição, os docentes decidiram repetir este evento que contou com a colaboração da Cruz Vermelha de Bragança. Desta forma, alunos, encarregados de educação, professores e auxiliares reuniram-se em família, na família escolar e puderam ajudar as famílias mais carenciadas com a doação de alimentos e brinquedos. Em palco estiveram diversos grupos brigantinos: Tuna da Escola Augusto Moreno, Tuna de Santo António - Casa de Trabalho, Bfive, Matson Band, Eskuadrão Furtivo e Laronha.. O objectivo deste Café-concerto é proporcionar um Natal diferente às crianças de Bragança, vivê-lo em família (na família escolar) e ajudar aqueles que mais precisam, ou seja, colocar em prática o anunciado no Evangelho!

 

Fontes: Localvisão e Agencia Ecclesia

publicado por Lacra às 15:59
07 de Dezembro de 2009

 O comércio local de Bragança está a viver uma crise sem precedentes. No centro da cidade, lojas abrem para logo voltarem a encerrar devido à falta de viabilidade económica.

António Carvalho, presidente da Associação Comercial e Industrial de Bragança, diz mesmo que “em 32 anos” nunca viu a cidade tão “cinzenta” e “triste” e traça um cenário negro: “na Praça da Sé há lojas desocupadas, as lojas abrem e fecham passado alguns meses. É sabido que a centralidade da cidade se alterou mas mesmo em pólos atractivos como a Sá Carneiro ou a zona da Braguinha, pouco movimento há. A zona industrial, a partir das seis da tarde, é um deserto”, constatou.

O dirigente associativo apela, por isso, a todos os brigantinos e comunidade em geral para que façam compras no comércio tradicional.

“Os comerciantes inovaram os seus espaços comerciais, modernizaram-se e, mesmo assim, há cada vez menos pessoas a comprar”, apontou.

A preferência por outras cidades, como o Porto, Vila Real ou Zamora, para fazer compras é apontada como um dos motivos da crise, mas não só. Segundo o responsável, as grandes superfícies comerciais estão a “afundar” Bragança.

“A guerra nem é tanto com outras cidades, mas sobretudo com os hipermercados porque é dinheiro que não fica na cidade, para além que nem sempre os preços são mais baixos”, considerou António Carvalho.

No entender do responsável da ACISB, o comércio tradicional tem de oferecer ao público outras mais-valias que possam ser concorrentes com as grandes superfícies.

“As pessoas vão ao hipermercado pelo marketing e o comerciante tem de oferecer outras mais-valias como, por exemplo, entregas ao domicilio ou a venda de produtos regionais bem como diferentes horários de abertura”, explicou.

Para tentar minorar a crise, a ACISB vai investir numa forte campanha natalícia, sob o mote “comprar no comércio tradicional é manter a cidade viva”.

 

Campanha de Natal na rua

Este ano, a ACISB vai promover várias acções de animação e promoção comercial que irão abranger três zonas da cidade: a Avenida Sá Carneiro; a zona da Braguinha e o centro da cidade, num total de mais de 550 estabelecimentos comerciais.

Por falta de recursos financeiros, a associação vê-se cingida apenas a três zonas da cidade, seleccionadas através de candidaturas ao programa Modcom (Sistema de Incentivos a Projectos de Modernização do Comércio).

A aprovação destas três candidaturas significa que o investimento está assegurado em 60 por cento por fundos governamentais, cabendo os restantes 40 por cento à ACISB.

As três zonas seleccionadas vão ser decoradas com a típica iluminação de Natal, a cargo da autarquia de Bragança, mas, este ano, não haverá música nas ruas, também por falta de verbas.

 

Natal Solidário para as crianças

Nos três espaços onde vai decorrer a campanha serão criadas três “casinhas do Pai Natal” onde estarão educadores e animadores disponíveis para ficar com as crianças enquanto os pais passeiam pela cidade. As casinhas vão ficar instaladas em lojas desactivadas e cedidas pelos proprietários para a campanha.

As “casinhas do Pai Natal” vão também funcionar como pontos de recolha de roupas e brinquedos para depois entregar às crianças de instituições de solidariedade social.

As casinhas abrem a partir do dia 16 e até 24 de Dezembro e vão funcionar entre as 14h00 e as 19h00.

Quem não vai faltar à festa é o Pai Natal que chegará, no dia 22, ao Jardim da Braguinha, e no dia 23 à Praça Camões e à Sá Carneiro. Nestas duas últimas zonas da cidade, o Pai Natal irá deslocar-se num balão de ar quente e oferecer voos cativos a quem o deseje.

A ACISB pede aos comerciantes que nesta época melhorem a imagem dos seus espaços comerciais e aconselha a escolha de uma boa iluminação, um pinheiro de Natal e uma alcatifa vermelha à entrada.

“Obviamente a ACISB não pode ir a cada um dos seus associados fazer isto mas são pequenas coisas que têm um custo irrisório e que dão outra imagem às lojas”, considerou António Carvalho.

Recorde-se ainda que, durante a época natalícia, a câmara, a pedido da ACISB, autorizou o alargamento do horário de funcionamento, permitindo a abertura nos feriados do 1 e 8 de Dezembro, e nos domingos que antecedem o Natal e a passagem de ano. Também o estacionamento é grátis, na primeira hora, no Parque da Praça Camões e na Avenida Sá Carneiro.

O dirigente da ACISB pede também aos comerciantes que adoptem horários que se compactuem com os da população em geral e tendo em conta que a cidade de Bragança é uma cidade de serviços.

publicado por Lacra às 12:36
últ. comentários
obrigado Cris:)
Bem vinda :))
Helder Fráguas sofreu a perda da sua companheira, ...
Para mim e para muita gente a volta às adegas para...
Estou habituado na leitura de blogs on line, adoro...
me llamo fedra soy de santa fe argentina tengo 9 ...
Carissimos,Eu não sei quem inseriu o comentário em...
todos os comentários estão disponíveis e vísiveis.
Como faço para ler os outros comentários ? Ou esse...
deixo aqui o meu comentário; por acaso pude apreci...
subscrever feeds
pesquisar neste blog
 
Janeiro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
blogs SAPO