Dia-a-dia de um distrito rural, doze concelhos e meia dúzia de pequenas cidades encravadas nas montanhas mais a norte de Portugal
12 de Abril de 2009

 

Receita folar doce:

 

 

Receita bola mirandesa

  • 1,5 kg de massa de pão ;
  • 2 ovos inteiros ;
  • 4 gemas ;
  • 1 dl de azeite ;
  • 50 g de manteiga ou margarina ;
  • 300 g de açúcar ;
  • 40 g de canela em pó ;
  • 500 g de farinha (aprox.) ;
  • sal ;

Confecção:

Compra-se a massa na padaria, encomendando-a de véspera. A esta massa juntam-se os ovos e a mistura das duas gorduras derretidas em banho-maria, sem ferverem. Bate-se a massa com a ajuda de um pouco de farinha de modo a ficar com a consistência de uma massa que possa ser estendida com o rolo.
Unta-se um tabuleiro com manteiga ou margarina e polvilha-se com farinha.
Estende-se uma folha de massa, polvilhando a mesa e o rolo com farinha e forra-se o fundo e os lados do tabuleiro. Esta camada de massa não pode ficar com buracos, para evitar que o açúcar e a canela se escapem.
Divide-se a canela em sete partes e o açúcar em oito. Polvilha-se a massa com uma parte de açúcar e outra de canela. Estende-se nova camada de massa, esta já muito fina, e coloca-se de modo a cobrir apenas o fundo, isto é, a cobrir o açúcar e a canela.
Repetem-se estas operações até se obterem sete camadas de massa. Quando se colocar a última camada, unem-se os bordos de modo a obter um cordão. Polvilha-se a última camada de massa com a oitava parte do açúcar.
Leva-se a cozer em forno quente, sem exagero (190º C aprox.), durante cerca de 25 a 30 minutos.

 

10 de Abril de 2009

 Ingredientes:

1 quilo Massa de pão

12 Ovos

2 decilitros Azeite

150 gramas Banha

Farinhaq.b.

Sal q.b.

Carnes variadas q.b.


Modo de Preparação:

À massa de pão já levedada juntam-se os ovos, a banha de porco derretida e o azeite.

Junta-se-lhe o sal necessário e mexe-se tudo muito bem até ficar bem ligado. A pouco e pouco vai-se-lhe juntando a farinha precisa para que fique de novo com a consistência própria para se tender.

Preparam-se à parte as carnes, que quanto mais variadas melhor: 200g de presunto, igual porção de toucinho, frango, coelho, e perdizes guisados, salpicão ou paio, carnes de vitela e de porco assadas, etc. Desossam- se as carnes, partem-se aos pedaços e divide-se a massa em 4 ou 5 partes, sendo uma maior com que se forra o fundo e os lados duma lata redonda e alta. Depois de untada a forma e forrada com a massa, vão-se colocando camadas alternadas com massa, até se obter o tamanho e peso ideal. Depois leva-se ao forno de lenha, já previamente aquecido, e deixa-se estar cerca de uma hora a cozer. o segredo do folar encontra-se na massa, na escolha do azeite, que deve ser muito bom e de preferência caseiro. Já o fumeiro não pode de maneira nenhuma ser industrial, devido às grandes quantidades de pimento que colocam, que altera a qualidade e o sabor do folar.

Posts mais comentados
últ. comentários
obrigado Cris:)
Bem vinda :))
Helder Fráguas sofreu a perda da sua companheira, ...
Para mim e para muita gente a volta às adegas para...
Estou habituado na leitura de blogs on line, adoro...
me llamo fedra soy de santa fe argentina tengo 9 ...
Carissimos,Eu não sei quem inseriu o comentário em...
todos os comentários estão disponíveis e vísiveis.
Como faço para ler os outros comentários ? Ou esse...
deixo aqui o meu comentário; por acaso pude apreci...
pesquisar neste blog
 
Janeiro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
blogs SAPO