Dia-a-dia de um distrito rural, doze concelhos e meia dúzia de pequenas cidades encravadas nas montanhas mais a norte de Portugal
04 de Junho de 2009

O Partido Socialista confirmou a recandidatura de Augusto Faustino à Câmara Municipal de Carrazeda de Ansiães.

A disponibilidade do empresário e líder da concelhia do PS já era conhecida e, sem surpresa, foi apresentado, no passado domingo, como o número um da lista rosa que vai tentar conquistar a Câmara ao PSD.

“Foi este o timing que escolhemos. Quisemos dar tempo para que aparecesse um candidato ganhador e pusesse o nosso concelho no mapa dos desenvolvidos.”

O candidato socialista está convencido que desta vez terá mais hipóteses de vencer.“As pessoas estão cansadas de sistematicamente estar este partido no poder. Tem de haver rotatividade nestas coisas. As pessoas estão cansadas.”

A confiança de Augusto Faustino aumenta quando pensa que o aparecimento da candidatura independente de Olímpia Candeias poderá dividir o PSD, habitual vencedor das eleições em Carrazeda.

“Sendo uma candidata que já foi vereadora com o PSD, obviamente vai buscar bastantes votos ao PSD e vai dividir bastante esse partido, o que é normal. Esteve tanto tempo no poder e não tem um líder natural. Não lhe fará mal passar pela oposição.”

Augusto Faustino ainda não revela quem o vai acompanhar na lista à Câmara.

Às Assembleias de Freguesia está tudo bem encaminhado, faltando apenas fechar listas em quatro freguesias.

 

25 de Maio de 2009

Depois da aprovação, por maioria, numa reunião concelhia, Jorge Nunes aceitou novamente o desafio de se recandidatar

Apesar de há quatro anos atrás ter garantido que não se voltava a recandidatar, o actual autarca brigantino, Jorge Nunes, não resistiu ao apelo do PSD para mais uma maratona autárquica. O nome já há muito que era indicado pelos membros do partido mas só neste fim-de-semana, após uma reunião concelhia, foi aprovado e rectificado por maioria.

O presidente da concelhia, Paulo Xavier, considera que este é um sinal de confiança e continuidade que o partido está a dar a Jorge Nunes pelo trabalho desenvolvido ao longo dos últimos anos, conforme apontou, em declarações ao Mensageiro: “o nosso candidato tem um conhecimento profundo para levar o desenvolvimento do concelho em frente”.

Relativamente às candidaturas às Juntas de Freguesia, Paulo Xavier diz que esse é um trabalho que ainda está a ser desenvolvido e que ainda não há datas para uma possível apresentação pública. O presidente da concelhia considera que o partido está dentro dos “prazos” até porque não há qualquer pressa: “vamos com calma e serenidade, com o à vontade de quem conhece o terreno e as pessoas e de quem trabalha no dia-a-dia”

Jorge Nunes candidatou-se pela primeira vez à câmara de Bragança há 12 anos atrás, na altura como independente. Há quatro anos atrás, o autarca declarou que este seria o seu último mandato, mas depois de ver o seu nome votado por maioria para uma nova candidatura, Nunes não terá resistido ao apelo do partido.

publicado por Lacra às 09:32
21 de Maio de 2009

A distrital do PS de Bragança não desfaz o “tabu” e não adianta quem será o candidato socialista à autarquia de Bragança. Os nomes vão ser conhecidos no final do mês de Maio, em Gimonde, num encontro autárquico que irá marcar oficialmente a corrida eleitoral.

O deputado Mota Andrade garante que o evento será “uma verdadeira festa socialista” que irá contar com a presença do ministro do Trabalho, Vieira da Silva, do deputado Miranda Calha e da eurodeputada Edite Estrela.

Tudo indica que neste evento seja lançado como candidato à câmara de Bragança o actual Governador Civil, Jorge Gomes, que, dentro em breve, poderá vir a renunciar ao cargo.

Sem confirmar nem desmentir, Jorge Gomes já adiantou estar disponível para o que o PS quiser.

No encontro autárquico o PS deve ainda confirmar a recandidatura dos actuais autarcas de Vinhais (Américo Pereira), Vila Flor (Artur Pimentel), Torre de Moncorvo, (Aires Ferreira), e Freixo de Espada à Cinta (José Santos).

Pelo PS concorrem ainda Rui Vaz, à câmara de Macedo de Cavaleiros, Júlia Rodrigues, à câmara de Mirandela, Fernando Meira, à câmara de Mogadouro, Artur Nunes, por Miranda do Douro, Augusto Faustino, por Carrazeda de Ansiães e Jorge Fernandes, por Vimioso.

07 de Maio de 2009

Numa altura em que nem o PS nem o PSD definiram ainda quem serão os candidatos apoiados pelos respectivos partidos à Câmara Municipal de Bragança, Humberto Rocha assume-se como candidato independente. Depois de Guedes de Almeida, militante do PSD, é a vez de um militante do PS apresentar uma candidatura que resulta, segundo o candidato, do pedido de muitas pessoas.

 

Fonte: Mensageiro

06 de Maio de 2009

O responsável pelo partido “Movimento, Mérito e Sociedade” (MMS), Eduardo Correia, esteve na região a apresentar aquilo que considera como “novas soluções para o país”. Contra o actual modelo governativo e contra quem o tem vindo a ocupar, Eduardo Correia defendeu a responsabilização dos políticos e a definição de estratégias nas várias áreas como forma de ajudar a desenvolver o país.

Apostados, para já, nas eleições europeias, tendo como cabeça de lista o empresário Carlos Gomes, actual presidente do grupo Fiat para o mercado francês, espanhol e português, o MMS pondera ainda apresentar candidatos às autárquicas no distrito de Bragança e no de Vila Real.

À passagem por Vila Real, Eduardo Correia afirmou mesmo que o MMS é “o novo partido do século XXI” e que “os rostos do MMS também irão aparecer nos boletins autárquicos com candidatos para o distrito de Bragança e para o distrito de Vila Real”.

Enquanto as eleições autárquicas ainda estão a ser trabalhadas, o MMS tem vindo apresentar-se pelo país, numa acção que teve como objectivo, sobretudo, conhecer as “realidades locais”. Depois de três dias de périplo pela região, à qual já veio três vezes como representante do MMS, Eduardo Correia considerou como graves entraves ao desenvolvimento do país a excessiva concentração de população no litoral, a forma de distribuição de riqueza e a falta de literacia.

“O interior está mais próxima de Madrid do que de Lisboa e precisa de encontrar formas de reter e atrair população. Mas também é necessário garantir que os nossos jovens recebem um modelo de formação idêntico aos melhores do mundo”.

Já no que diz respeito à forma de distribuição de riqueza, Eduardo Correia considera que Portugal continua a ser um país que “admite a escravatura moderna” ao instituir como salário mínimo o valor de 450 euros/mês, um terço do salário mínimo médio europeu.

O MMS tem um ano de existência mas, segundo Eduardo Correia, tem sido “ignorado” pela comunicação social nacional que, nas sondagens, dá um empate técnico entre o PS e o PSD, mas “não diz que a abstenção poderá ser a grande vencedora”. É contra a abstenção, e porque se consideram como “alternativa” e “solução”, que o MMS quer apresentar também listas às eleições legislativas em todos os distritos. No distrito de Bragança, é Sérgio Deusdado, docente do IPB e natural de Miranda do Douro, o rosto da campanha do MMS.

O MMS conta ainda com uma pequena rede de militantes que tem vindo a crescer, embora o responsável frise que a militância não é um objectivo do novo partido até porque “os partidos estão tão obcecados por militantes que se tornaram em centros de emprego”.

05 de Maio de 2009

A CDU já definiu os candidatos às autarquias a apresentar nos concelhos de Mirandela, Macedo de Cavaleiros, Torre de Moncorvo e Vinhais.

Por Mirandela irá como cabeça de lista David Martins Garrido, um electrotécnico aposentado, eleito na Assembleia Municipal de Mirandela. Já como cabeça de lista da CDU à Assembleia Municipal daquela localidade irá Fernando Pilão, advogado e membro da direcção regional de Bragança do PCP. Há quatro anos atrás, Pilão foi o cabeça de lista à autarquia de Mirandela pela CDU.

Em Macedo de Cavaleiros, a CDU apresenta como candidato à câmara Carlos Cunha Martins, o actual presidente da Associação Cultural, Desportiva e Ambiental dos Cortiços e também vice-presidente da Assembleia Geral da Associação de Beneficiários de Macedo de Cavaleiros. À Assembleia Municipal vai Maria Idália Mateus.

Sidónio Fernandes é o cabeça de lista à câmara de Torre de Moncorvo, acompanhado por Leandro Vale como cabeça de lista à Assembleia Municipal.

Já em Vinhais, a CDU apresenta Manuel Lousada, um técnico de apoio fabril, natural de Vila Verde (Vinhais). Como cabeça de lista à Assembleia Municipal irá Elizabete Rodrigues, funcionária pública natural de Ousilhão (Vinhais).

 

04 de Maio de 2009

Berta Nunes, actual directora da Sub-Região de Saúde de Bragança, apresentou-se oficialmente como candidata à câmara de Alfândega da Fé pelo PS, no dia 1 de Maio.

A apresentação de Berta Nunes ficou marcada pelas críticas ao actual executivo PSD e uma das "prioridades" já lançadas pela candidata é a redução da dívida da autarquia, actualmente nos 16,5 milhões de euros.

A candidata do PS à Câmara de Alfândega falou ainda de alguns projectos que prevê lançar, como a recuperação das piscinas municipais, mas também de medidas de apoio aos agricultores.

Na lista às autárquicas surgem agora Eduardo Tavares, como número dois, seguido de António Salgueiro. Nuno Miranda é o candidato à Assembleia Municipal.

Foram ainda apresentados os cabeças-de-lista às 14 freguesias. Tudo para recuperar os 57 votos que afastaram Berta Nunes da eleição há quatro anos.

 

Fonte: Brigantia

 

27 de Abril de 2009

Rui Vaz, actual presidente do Núcleo Empresarial de Bragança (Nerba), vai avançar como candidato à autarquia de Macedo de Cavaleiros pelo PS. O anúncio foi feito formalmente no dia 25 de Abril, data em que o PS, por tradição, assinala o dia da Liberdade com um jantar de militantes.

Envolvido na política concelhia desde os 19 anos, Rui Vaz acredita que é possível que o PS retome o poder em Macedo de Cavaleiros embora o PSD avance para as autárquicas em coligação com o CDS/PP.

“Estamos convictos que, apesar da coligação e apesar do CDS em Macedo ser uma força que tem alguma expressão, estamos em condições de poder ganhar a câmara. Também há sete anos atrás nunca ninguém pensaria que perderíamos a câmara”, apontou o candidato.

A convicção da vitória vem-lhe também do “descontentamento” que diz existir em Macedo de Cavaleiros para com o actual executivo, que acusou de laxismo e apatia. Exemplo disso, no seu entender, foi o “abandono” a que diz ter sido votada a zona industrial.

“Ao nível do desenvolvimento económico, lançamos uma zona industrial, estrategicamente colocada, que teria de hoje, passados oito anos, ser, obrigatoriamente, motor de desenvolvimento e não o é. De 67 empresas que tiveram terrenos atribuídos na zona industrial, hoje apenas funcionam 18. Isto demonstra a apatia a que este executivo camarário votou a componente económica do concelho de Macedo”, apontou Rui Vaz.

Candidato pela primeira vez à câmara, Rui Vaz desde sempre se envolveu na vida cívica e politica do concelho, participando em várias instituiçoes, algumas das quais ajudou até a fundar. Apelidando-se a si próprio como uma pessoa crítica, Rui Vaz considera que agora é chegado o momento de “mostrar aquilo que vale”.

“Fui crítico e sinto que fui um crítico construtivo. Agora é chegada a hora de quem tanto falou mostrar aquilo que vale”, afirmou.

O jantar de apresentação da candidatura de Rui Vaz foi também o momento escolhido pelo PS para homenagear alguns militantes e para celebrar os 35 anos da democracia. Presente esteve o líder da distrital rosa, Mota Andrade, que aproveitou para apelar ao voto nas eleições europeias, marcadas para 7 de Junho.

Sobre a candidatura de Rui Vaz, Mota Andrade expressou também o seu apoio dizendo que “Rui Vaz é o exemplo do homem que teve sucesso profissional e que vai ter sucesso político porque Macedo precisa de um homem como Rui Vaz”.

últ. comentários
obrigado Cris:)
Bem vinda :))
Helder Fráguas sofreu a perda da sua companheira, ...
Para mim e para muita gente a volta às adegas para...
Estou habituado na leitura de blogs on line, adoro...
me llamo fedra soy de santa fe argentina tengo 9 ...
Carissimos,Eu não sei quem inseriu o comentário em...
todos os comentários estão disponíveis e vísiveis.
Como faço para ler os outros comentários ? Ou esse...
deixo aqui o meu comentário; por acaso pude apreci...
pesquisar neste blog
 
Janeiro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
blogs SAPO