Dia-a-dia de um distrito rural, doze concelhos e meia dúzia de pequenas cidades encravadas nas montanhas mais a norte de Portugal
24 de Agosto de 2009

Três bombeiros que combatiam o incêndio que deflagrou em Calvelhe, no concelho de Bragança, foram resgatados do rio Sabor, de helicóptero, por um Grupo de Intervenção de Protecção e Socorro da GNR.

Os bombeiros sofreram ferimentos ligeiros e receberam assistência no Hospital de Bragança. Cerca da 1 da manhã, dois já tinham recebido alta. O outro estava ainda em observação.

Para além do incêndio de Calvelhe, houve ainda registo de outros fogos florestais em Vila Flor e em Freixo de Espada à Cinta. 

 

 

 

20 de Agosto de 2009

 José Santos quer renovar a sua candidatura pelo PS acompanhado do actual executivo para continuar a desenvolver a senda de projectos já aprovados e outros que aguardam aprovação.

Na apresentação da candidatura, esta quarta-feira, Santos apresentou uma lista que segue também a continuidade, sendo que há apenas duas alterações: em quinto e sétimo lugares vão agora Ana Fapage e Sofia Caldeira, representando o que o candidato definiu como uma “lufada de ar fresco”.

José Santos pretende levar a cabo dois grandes projectos ao nível da requalificação urbana, que ainda aguardam aprovação. Um deles prevê a correcção do leito de dois cursos de água por forma a “resolver definitivamente” o problema da drenagem da água, para que no futuro não se verifiquem catástrofes, como a que atingiu a vila em 2006.

O projecto prevê ainda a requalificação da Avenida 25 de Abril, do parque junto à câmara municipal, e, entre outros, a construção de um parque automóvel com dois pisos.

Já na zona história, a autarquia quer renovar o mandato para proceder ao alargamento do cemitério, à requalificação da envolvente do castelo, à recuperação da fachada manuelina e a toda a requalificação daquela zona.

“São dois grandes projectos que, a par de outros que já estão aprovados e prontos a arrancar, vão permitir continuar a protagonizar toda uma mudança na vila e no concelho de Freixo”, considerou o autarca.

Entre as obras já aprovadas e prontas a arrancar, José Santos evidenciou a requalificação da estrada 325 e da 325-1, entre Freixo de Espada à Cinta e Ligares.

“É uma obra que pertencia às Estradas de Portugal mas que dificilmente seria feita. A câmara tomou por isso a iniciativa de pedir a desclassificação da estrada para poder requalificá-la e melhorá-la, corrigindo-a”, avançou.

O autarca lembrou ainda que está para avançar a construção de uma variante à vila, bem como de uma estação de camionagem, ou da construção de um complexo desportivo com campo relvado.

O candidato quis ainda “responder” às críticas do adversário que o acusou de ser “prepotente” e de “dominar todas as instituições públicas”.

“Fui eleito democraticamente, sou um presidente de câmara aberto, dirijo as outras instituições de forma aberta e depositando confiança em todos os que nelas trabalham”, afirmou.

José Santos considera ainda que estas críticas surgem “porque em Freixo tudo corre bem” e diz ainda que é o candidato social-democrata que se está a preparar, caso ganhe as eleições, “para tomar de assalto as outras instituições públicas”.

“Estão incomodados porque em Freixo tudo está a correr bem, as cooperativas pagam a tempo e horas, as instituições sofreram investimentos,  e eles têm de apostar num discurso abstracto e virtual porque têm dificuldades em apresentar ideias num concelho onde tudo está a ser feito”.

Já relativamente à acusação de desrespeito pela igualdade de propaganda, o candidato quis relembrar que a câmara cedeu o Multiusos e apoio logístico, recusado pelo PSD e reiterou que o Auditório Municipal não é um espaço adequado até porque só tem 170 lugares sentados.

“Quando o candidato social-democrata estava na gestão camarária deve lembrar-se que não permitia sequer que ali se realizassem reuniões da cooperativa”, acusou.

O afastamento de alguns militantes socialistas não parece causar qualquer preocupação a José Santos que afirmou apenas que quando assumiu a câmara fez uma gestão “para os freixenistas, sem olhar a cores partidárias”. 

publicado por Lacra às 08:00
19 de Agosto de 2009

“Acabar com a oligarquia que se vive em Freixo de Espada à Cinta” - é o propósito da candidatura do PSD/CDS-PP, liderada por António Morgado à autarquia e que foi apresentada, nesta terça-feira, a toda a população.

O candidato acusa o actual autarca, José Santos, de “dominar” todas as instituições públicas do concelho, desde a câmara, à Santa Casa da Misericórdia, Adega Cooperativa ou Coopafreixo.

“Tem o poder absoluto e domina todas as fontes de emprego. Só não domina a escola, embora tenha tentado”, acusou.

A “prova” do que considera como “despotismo” foi a própria recusa da autarquia em ceder o Auditório Municipal para a apresentação da sua candidatura. Segundo o candidato foram enviados dois ofícios solicitando o espaço, tendo o mesmo sido recusado dado que, segundo resposta da autarquia, “um comício dá azo a exteriorizações de comportamentos que podem condicionar a conservação do espaço”. O município informou ainda que iria apreciar e votar o assunto em reunião de câmara, não tendo informado o candidato sobre qual a decisão da deliberação.

“O presidente entendeu que não deveria ceder o Auditório Municipal, numa atitude de desprezo para com os conterrâneos opositores, e decidimos alugar o salão dos Bombeiros Voluntários por 250 euros”, explicou.

António Morgado diz ainda que com esta atitude, a câmara desrespeita o direito da igualdade de propaganda, podendo o candidato apresentar queixa no Ministério Público.

“Podia, mas não vou fazer. Deixo que o povo julgue as suas atitudes de excesso de despotismo”, afirmou.

Na lista, com António Morgado, concorre, em segundo lugar, Maria do Céu Quintas, e em terceiro lugar Gilberto Pintado, do CDS/PP. À Assembleia Municipal concorre Francisco Calvão. Da lista fazem ainda parte outros membros ligados ao PS, segundo o candidato, “históricos do PS de Freixo de Espada à Cinta”.

“Estão do meu lado porque o presidente da câmara entendeu também que o partido era dele e houve elementos que resolveram sair”, apontou.

António Morgado está convencido que poderá alcançar a vitória nesta corrida autárquica, pese embora a autarquia PS esteja no seu primeiro mandato.

“Tem havido muito desgaste político devido ao controlo das várias instituições e é um desgaste visível para as pessoas do concelho. As pessoas sentem-se intimidades porque o presidente controla tudo e, por isso, querem a mudança”, afirmou.

As prioridades de António Morgado passam por uma aposta na criação de emprego no concelho, na dinamização da economia através do fortalecimento das estruturas locais de modo a permitir que os jovens se fixem no concelho. As políticas sociais, nomeadamente as políticas vocacionadas para a terceira idade, bem como a requalificação urbana são outra das prioridades da candidatura PSD/CDS-PP.

O candidato afirma que tem “sentido” o apoio da população à sua candidatura, pese embora, considere que “actualmente não há liberdade de expressão”.

 

publicado por Lacra às 11:20
18 de Agosto de 2009

A vítima foi surpreendida pelos dois assaltantes quando se encontrava sozinha a vender galinhas próximo da estrada, na aldeia de Peredo.

A mulher, de 63 anos, foi abordada e levada à força pelos indivíduos para a sua residência, que dista cerca de 300 a 400 metros do local onde se encontravam.

De acordo com o relato feito à GNR, depois de entrarem na casa, um dos indivíduos imobilizou a vítima deitando-a no chão e colocando-lhe um pé nas costas.

O outro terá remexido o quarto onde encontraram e furtaram várias peças em ouro, avaliadas em cerca de três mil euros, segundo a GNR.

Os assaltantes trancaram depois no quarto a idosa que teve de saltar pela janela, correspondente ao rés-do-chão para pedir ajuda.

A vítima apresentava alguns hematomas, e foi transportada para o hospital de Macedo de Cavaleiros, tendo recebido alta depois de assistida.

Este foi o primeiro roubo com estas características que o dispositivo da GNR registou nesta zona.

A GNR abriu um inquérito ao assalto, mas ainda não tem pistas sobre os autores, que terão entre 16 e 20 anos, de acordo com o relato da vítima.

 

Fonte: Lusa

publicado por Lacra às 17:59

No próximo ano, a Festa da História vai ser alargada a toda a envolvente do Castelo de Bragança, de forma a trazer os expositores para mais próximos do centro da cidade.

O evento terminou ontem e contou com mais de 80 artesãos, maioritariamente vindos de França, Espanha, Inglaterra e Marrocos, participaram no evento, alguns pelo terceiro ano consecutivo. O número de artesãos locais a participar também cresceu nesta edição, segundo o autarca Jorge Nunes.

“Este ano já houve uma maior participação de artesãos do distrito, acima das duas dezenas”.

Ao longo de três dias o Castelo recuou até ao século XI, numa altura em que o reino se mobilizava contra a ocupação muçulmana da Península Ibérica. A Associação Bragança Histórica, em coordenação com a organização do evento, apresentou uma peça e um torneio medieval a ficcionar o quotidiano da época e o ritual da hipotética investidura de D. Mendo Alão, fundador da linhagem “Os Bragançãos”.

“Foi um grande espectáculo, muito bem preparado, com muita participação voluntária dos cidadãos e com um texto histórico de rigor”, considerou o autarca.

A Festa da História realiza-se no âmbito das Festas da Cidade e corresponde a um desejo antigo do actual presidente da Junta de Santa Maria

“É uma festa insubstituível, uma marca de Bragança, uma actividade que nos transporta para as nossas raízes e para o passado, lembrando a longa história e a importância histórica da cidade”.

Um evento que remete para “portugalidade” embora com organização de “nuestros hermanos”. Ainda assim, Jorge Novo lembra que também a feira medieval de Santa Maria da Feira, a maior do país, conta com a ajuda de uma organização espanhola.

“O que queremos é que a Festa da História evolua, como a de Santa Maria da Feira evoluiu, apesar do nosso orçamento ser bem mais reduzido, na ordem dos 300 mil euros”, apontou.

No próximo ano, para além do alargamento do espaço à envolvente do Castelo, será dada continuidade à peça de teatro e ao torneio medieval, com a protagonização do rapto e união de D. Mendo Alão, fundador da linhagem dos Bragançãos, com a Princesa da Arménia.

 

publicado por Lacra às 14:32

As estações meteorológicas de Bragança e de Miranda do Douro registam, desde segunda-feira, temperaturas mais elevadas do que no mesmo período do ano passado, estando o distrito perante o que o Instituo de Meteorologia define como onda de calor.

As temperaturas registadas estão acima dos 35 graus pelo que é aconselhável beber muita água, evitar o sol e os esforços físicos nas horas de maior calor.

publicado por Lacra às 14:23

Havia algumas vozes que se levantavam contra esta candidatura e levantavam todo o tipo de problemas, no sentido que a mesma não chegasse a ter lugar, mas desta vez perderam”, afirmou Humberto Rocha, o candidato independente à Câmara Municipal de Bragança, ao fim da tarde de ontem, após entregar as listas de candidatos que compõem a sua equipa, no Tribunal de Bragança.

Humberto Rocha criticou a legislação que dificulta as candidaturas de cidadãos independentes e, além dificuldades próprias desse processo, falou de outras, relacionadas com boatos cuja origem prometeu indicar, na campanha eleitoral.

“Para já estamos a ganhar porque conseguimos apresentar uma candidatura, com as assinaturas mais do que necessárias, contrariando todo o tipo de boatos que eram postos a correr. Estamos aqui, estamos para disputar as eleições e o eleitorado, que é soberano, decidirá”, disse.

Ontem, ao início da tarde, apresentaram também as listas e formalizaram as respectivas candidaturas Guedes de Almeida, candidato pelo CDS-PP, Liliana Fernandes, pelo Bloco de Esquerda, Jorge Gomes, pelo PS e Jorge Nunes, pelo PSD. A CDU já havia apresentado as suas listas na passada sexta-feira.

 

Fonte: Mensageiro Notícias

publicado por Lacra às 09:35
17 de Agosto de 2009

Foram vários os partidos que entregaram hoje as listas às autárquicas no Tribunal de Bragança.

A grande surpresa é o independente Humberto Rocha que, tudo indica, estará neste momento a proceder à entrega das listas para avançar sem o apoio de qualquer máquina partidária.

O PS avança com Jorge Gomes, ex governador civil, e com uma lista da qual faz parte Leonel Afonso, que desempenhou o papel de chefe de gabinete ao longo do mandato.

O PSD avança com Jorge Nunes e uma lista da qual faz parte Rui Caseiro, actual vice-presidente, Fátima Fernandes, vereadora da cultura, Hernâni Dias e Milton Roque, nomes polémicos que foram muito contestados no seio do partido.

O CDS/PP vai com o independente Guedes de Almeida. O Bloco de Esquerda aposta em Liliana Fernandes. A CDU entregou as listas na passada sexta-feira, recandidatando novamente José Castro.

 


 Em Teixeira, Miranda do Douro, 48 bombeiros combatem um incêndio em zona de mato, com o apoio de 10 veículos operacionais, e um helicóptero de ataque inicial.


 

publicado por Lacra às 17:23

O distrito de Bragança tem mais eleitores do que população. Os dados são da Direcção Geral da Administração Interna e apontam para a existência de mais de 9,3 milhões eleitores portugueses nos cadernos nacionais, um número que não é verdadeiro porque só existem 8,6 milhões de portugueses maiores de idade, segundo as estimativas de população residente de 2008 do Instituto Nacional de Estatística (INE).

Nas eleições europeias, Portugal registou 63,5 por cento de abstenção, um número que na realidade é sete pontos mais baixo porque existem 650 mil números de cartões de eleitores referentes a pessoas que já morreram ou não residem em Portugal.

Para o sociólogo André Freire esta é uma diferença "grave" que influencia a abstenção e "custa dinheiro aos contribuintes", visto que o número de mandatos depende do número de pessoas inscritas, sendo "urgente" a sua resolução.

 

Fonte: Lusa

últ. comentários
obrigado Cris:)
Bem vinda :))
Helder Fráguas sofreu a perda da sua companheira, ...
Para mim e para muita gente a volta às adegas para...
Estou habituado na leitura de blogs on line, adoro...
me llamo fedra soy de santa fe argentina tengo 9 ...
Carissimos,Eu não sei quem inseriu o comentário em...
todos os comentários estão disponíveis e vísiveis.
Como faço para ler os outros comentários ? Ou esse...
deixo aqui o meu comentário; por acaso pude apreci...
subscrever feeds
pesquisar neste blog
 
Agosto 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
16
21
22
23
blogs SAPO