Dia-a-dia de um distrito rural, doze concelhos e meia dúzia de pequenas cidades encravadas nas montanhas mais a norte de Portugal
05 de Outubro de 2012

 

 

É no número 35 da Rua Abílio Beça, em Bragança, a dois passos do Museu Abade Baçal, que se mostram os "tesouros" em madeira e ferro nascidos das mãos do escultor João Ferreira.

Objetos geométricos, árvores e beija-flores, um peixe da profundeza dos oceanos e, no meio do espaço, uma grande árvore de onde brota um coração e a que o artista deu o nome de "sangue, suor e lágrimas", nasceram do "prazer de pôr as mãos a fazer coisas".

O resultado é uma forte impressão visual que desperta sentimentos e que remete para as raízes ancestrais do ser humano e da sua relação com a terra.

 

http://fotos.sapo.pt/sweetcarla/albuns/?aid=34

 

 

 

E se falamos de sentimentos é porque a seguir, João Ferreira, leva-nos, através da sua arte, ao Nordeste Transmontano, mas não sem uma ponta de ironia e de sátira. 

Através de postais, em ferro e madeira, João Ferreira mostra-nos personagens e rituais da memória local,questionando, ao mesmo tempo, aquilo que se pretende como "produto cultural de consumo".



Related Posts with Thumbnails
últ. comentários
obrigado Cris:)
Bem vinda :))
Helder Fráguas sofreu a perda da sua companheira, ...
Para mim e para muita gente a volta às adegas para...
Estou habituado na leitura de blogs on line, adoro...
me llamo fedra soy de santa fe argentina tengo 9 ...
Carissimos,Eu não sei quem inseriu o comentário em...
todos os comentários estão disponíveis e vísiveis.
Como faço para ler os outros comentários ? Ou esse...
deixo aqui o meu comentário; por acaso pude apreci...
Locations of visitors to this page
Eu sou Jornalista
pesquisar neste blog
 
Outubro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
13
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
blogs SAPO