Dia-a-dia de um distrito rural, doze concelhos e meia dúzia de pequenas cidades encravadas nas montanhas mais a norte de Portugal
01 de Junho de 2010

O Grupo Desportivo de Bragança (GDB) regressa já na próxima temporada à II Divisão, depois de, no passado domingo, ter empatado a zero com o Mirandela, resultado que valeu a conquista do objectivo maior da actual direcção do Clube. Depois do apito do árbitro, numa partida em que os “canarinhos” sofreram bem mais do que o esperado, foi a festa total, com invasão de campo incluída, muitos abraços, algum vinho espumoso e muitos apitos pela capital nordestina, que saiu à rua para celebrar com a sua equipa. Quanto ao jogo, impróprio para cardíacos, o Mirandela saiu da capital nordestina com um travo amargo na boca, uma vez que, em boa verdade, os mirandelenses jogaram melhor o jogo da subida, perdendo duas ou três boas ocasiões de golo, ante um adversário que quase nunca soube o que fazer à bola. Mas como em futebol quem joga melhor nem sempre ganha… os deuses acabaram por proteger os comandados de Carlitos e, no final, a festa fez-se em Bragança. Tony foi o primeiro a falhar, logo ao minuto um, quando apareceu isolado a rematar dentro da área uma bola bombeada da esquerda, mas não deu a direcção desejada ao remate e perdeu-se uma boa ocasião de golo. O lance parecia anunciar uma grande primeira parte, mas na verdade só voltou a haver emoção mais de 20 minutos depois, quando Rui Lopes atirou uma bola à barra de Ximena, aproveitando muito bem uma ressaca da área. Em cima do intervalo, Xavier, no segundo poste, atirou ao lado, de cabeça, com as bancadas todas de pé a celebrar o primeiro dos locais. A bola não entrou e, em boa verdade, o nulo era o resultado mais justo, uma vez que as duas equipas pouco criaram ao longo de toda a primeira etapa. No reatamento, e depois da saída de Mobil, que entretanto se lesionara, Vaguinho voltou a assustar os brigantinos, com um remate forte à baliza de Ximena, que acabou, mais uma vez, na barra local, corria o minuto treze de jogo. A sete minutos do termo da partida, novo susto para os brigantinos, com uma bola a tocar o poste da baliza de Ximena, depois de um cruzamento de Rui Borges. Vaguinho terá conseguido a emenda para baliza local, mas sem sucesso. No final, aproveitando o desespero dos mirandelenses, os brigantinos ainda poderia ter chegado ao golo, mas o nulo acabou por prevalecer, numa partida melhor na segunda etapa e com um Mirandela bem acima do habitual (daí a justificável frustração dos seus jogadores). O GDB sobreviveu herculeamente num jogo onde não soube, muitas vezes, o que fazer…

Manuel Martins continua à frente do GDB na II

Manuel Martins e Carlitos, respectivamente presidente e treinador do GDB, ainda não pensam, seriamente, no futuro a curto prazo, depois da conquista do segundo lugar e consequente subida de divisão, mas deixaram algumas pistas no rescaldo do empate com o Mirandela. “Isto é um sentimento de grande alegria. Este grupo de trabalho é fantástico. Esta subida tem muito a ver com o trabalho que esta direcção fez… o mais importante era que o Bragança subisse, agora vamos ter tempo para conversar, vamos ver, há algumas propostas de outros clubes, mas não posso esquecer como aqui fui tratado, na hora de escolher o meu futuro clube!”, disse o treinador. Manuel Martins cumpriu o sonho de há alguns anos, levando o GDB à II, e será, pelas suas palavras, o próximo presidente da colectividade, nas eleições que acontecerão já no final deste mês. “Estes atletas salvaram o Clube de deixar de competir… acompanharam-me nos momentos difíceis, foram gente com muita honestidade e mostraram em campo aquilo que valem. Agora vamos festejar, depois tudo farei para não abandonar estes jogadores...”, referiu.

Ficha do Jogo

GDB 0 – Mirandela 0

Estádio Municipal de Bragança

GDB: Ximena (amarelo aos 83’), Rui Gil, Tony (Badará aos 65’), Mobil (Fábio Pinto aos 54’), Mirco, Luís Rodrigues (amarelo aos 34’), Saná (Valadares aos 79’), Xavier, Jaime, Pedrinha (amarelo aos 28’) e Pinhal.

Suplentes: Zé Luís, Carlitos, Capelo e Valentim.

Mirandela: Norinho, Jonas (Macktar aos 46’), Cristian, Rui Lopes, Vaz Té (amarelo aos 51’), Rui Borges, Adriano, Álvaro (Ivo Calado aos 73’), Vaguinho (amarelo aos 31’) , Nelo e Wigor.

Suplentes: Neto, Breno, Claudemir, José Luís e Aires

Treinador: Luís Guerreiro

Árbitro: Carlos Duarte

Assistentes: Daniel Santos e Jorge (AF Porto)

 

Fonte: Mensageiro Notícias

publicado por Lacra às 10:10



Related Posts with Thumbnails
últ. comentários
obrigado Cris:)
Bem vinda :))
Helder Fráguas sofreu a perda da sua companheira, ...
Para mim e para muita gente a volta às adegas para...
Estou habituado na leitura de blogs on line, adoro...
me llamo fedra soy de santa fe argentina tengo 9 ...
Carissimos,Eu não sei quem inseriu o comentário em...
todos os comentários estão disponíveis e vísiveis.
Como faço para ler os outros comentários ? Ou esse...
deixo aqui o meu comentário; por acaso pude apreci...
Locations of visitors to this page
Eu sou Jornalista
pesquisar neste blog
 
Junho 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
13
16
19
20
26
30
blogs SAPO