Dia-a-dia de um distrito rural, doze concelhos e meia dúzia de pequenas cidades encravadas nas montanhas mais a norte de Portugal
08 de Março de 2010

A partir de hoje vai ser reduzido o dispositivo montado em Mirandela para tentar encontrar o corpo do aluno da Escola Básica 2/3 Luciano Cordeiro, que na passada terça-feira se atirou ao rio Tua, por alegadamente ser vítima de violência, naquele estabelecimento de ensino, por parte de colegas.

Depois de seis dias consecutivos a bater as margens e o leito do rio, as autoridades decidiram reduzir o dispositivo por causa do cansaço dos elementos que estão a participar nas operações e porque não há indícios de onde possa estar o corpo.

 

Ontem estiveram envolvidos 110 homens, mas as buscas voltaram a ser infrutíferas.

“Desde 110 homens, temos 10 mergulhadores e uma equipa de canoagem constituída por seis elementos, temos cinco equipas cinotécnicas e ainda bombeiros, GNR e PSP a fazer buscas ao longo das margens do rio desde Mirandela até à foz” explica comandante distrital da protecção civil.

 

Melo Gomes assume que, a partir de hoje, vai haver uma redução drástica de efectivos nas buscas, mas assegura que as operações vão continuar, sem previsão de quando vão terminar.

“Vamos manter as buscas mas com um efectivo muito mais reduzido que será composto por equipas de bombeiros e GNR cuja área de actuação é atravessada pelo rio Tua e ainda equipas da protecção civil municipal de Mirandela” adianta, acrescentando que “vamos ainda empregar alguns elementos dos GIPS neste patrulhamento das margens”.

O responsável garante que “não vamos descurar as buscas, elas não vão terminar tão depressa vamos sim reduzir o efectivo e manter as operações durante mais algum tempo”.

 

Entretanto, surgem novos dados em torno deste caso.

Sabe-se agora que dos 150 casos sinalizados pela Comissão de Protecção de Crianças e Jovens de Mirandela, 12 são relativos à escola Luciano Cordeiro, e desses, apenas três dizem respeito a violência e não foi a direcção da escola que os comunicou, mas sim a PSP.

 

Mais um dado que aumenta a onda de protesto de pais e familiares sobre o silêncio da direcção do agrupamento.

Entretanto, para o final da tarde de hoje, está marcada uma marcha pedonal entre a escola e o local onde o Leandro terá desaparecido, em solidariedade para com a família.

Os inquéritos que estão a ser efectuados pelo Ministério Público e pelo Ministério da Educação devem ficar prontos, amanhã.

 

Fonte: Brigantia/ Escrito por CIR



Related Posts with Thumbnails
últ. comentários
obrigado Cris:)
Bem vinda :))
Helder Fráguas sofreu a perda da sua companheira, ...
Para mim e para muita gente a volta às adegas para...
Estou habituado na leitura de blogs on line, adoro...
me llamo fedra soy de santa fe argentina tengo 9 ...
Carissimos,Eu não sei quem inseriu o comentário em...
todos os comentários estão disponíveis e vísiveis.
Como faço para ler os outros comentários ? Ou esse...
deixo aqui o meu comentário; por acaso pude apreci...
Locations of visitors to this page
Eu sou Jornalista
pesquisar neste blog
 
Março 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
27
28
blogs SAPO