Dia-a-dia de um distrito rural, doze concelhos e meia dúzia de pequenas cidades encravadas nas montanhas mais a norte de Portugal
08 de Fevereiro de 2010

Todos os produtores de porco bísaro a marcar presença na Feira do Fumeiro de Vinhais, de 11 a 14 de Fevereiro, vão apresentar o seu produto ao abrigo do novo Regime de Exercício da Actividade Industrial (REAI).

O novo regime obriga a novas regras e exigências, como seja a rotulagem dos produtos, e veio revogar a legislação anterior. Com a entrada em vigor do REAI,  no início deste ano, Vinhais assume-se como um dos concelhos pioneiros a apresentar uma Feira do Fumeiro com todos os expositores devidamente licenciados. Carla Alves, dirigente da Associação Nacional de Criadores de Raça Bísara e da organização do certame, explicou que foi um processo “moroso e difícil”, com exigências superiores às que existiam anteriormente.

Dentro do REAI, os pequenos produtores foram enquadrados na chamada categoria tipo 3, destinada às actividades locais, e cabe às câmaras assumirem-se como entidades coordenadores de todo o processo.

Os produtores locais foram vistoriados e agora aguardam a emissão do número de controlo veterinário e do registo para poderem expor na Feira do Fumeiro os seus produtos devidamente licenciados e ao abrigo do novo regime.

O REAI obriga a que o abate seja feito obrigatoriamente no matadouro e impõe como limite de produto acabado os dois mil quilos, no caso dos enchidos. O transporte, a segurança alimentar e outras boas práticas têm agora também novas regras, mais exigentes e “apertadas”.

Os produtores que exponham na Feira do Fumeiro, independentemente de serem ou não do concelho de Vinhais, passarão todos pelo rastreio de forma a garantir o cumprimento das normas e da obrigatoriedade de expor enchidos somente de carne de porco bísaro.

“Tem sido feito um esforço muito grande”, assumiu Carla Alves que sublinhou ainda o “empenho” da autarquia local no que diz respeito à produção do fumeiro regional.

Recorde-se que o concelho de Vinhais tem a mais antiga Feira do Fumeiro do país, que assinala agora 30 anos, e tem sete enchidos reconhecidos e protegidos pela União Europeia com a marca Indicação Geográfica Protegida (IGP).

 



Related Posts with Thumbnails
últ. comentários
obrigado Cris:)
Bem vinda :))
Helder Fráguas sofreu a perda da sua companheira, ...
Para mim e para muita gente a volta às adegas para...
Estou habituado na leitura de blogs on line, adoro...
me llamo fedra soy de santa fe argentina tengo 9 ...
Carissimos,Eu não sei quem inseriu o comentário em...
todos os comentários estão disponíveis e vísiveis.
Como faço para ler os outros comentários ? Ou esse...
deixo aqui o meu comentário; por acaso pude apreci...
Locations of visitors to this page
Eu sou Jornalista
pesquisar neste blog
 
Fevereiro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
blogs SAPO