Dia-a-dia de um distrito rural, doze concelhos e meia dúzia de pequenas cidades encravadas nas montanhas mais a norte de Portugal
30 de Junho de 2009

 

Já está em construção a ciclovia que vai ligar o campus do Instituto Politécnico de Bragança (IPB) à Alexandre Herculano, passando pela alameda de Santa Apolónia, avenida Sá Carneiro e rua Damasceno de Campos, num total de três quilómetros.

O projecto tem como parceiro o IPB e vai transformar todo o campus académico. Está prevista a colocação de mais iluminação, de um novo gradeamento em volta do campus académico, a criação de bebedouros, e, entre outros aspectos, colocação de mobiliário urbano.

Sobrinho Teixeira, presidente do IPB, considera que esta intervenção vai fazer do campus do politécnico “um dos mais bonitos do país” e acredita que essa poderá ser uma marca afirmativa capaz de atrair ainda mais alunos de outras regiões a Bragança.

Além da ciclovia, integrada em parte do campus académico, serão construídos dois pavilhões multiusos, no espaço confluente com o ginásio da Escola Superior de Educação. Já junto ao campo relvado pretende-se construir um outro campo de futebol, mas em relvado sintético que permite um maior número de utilização.

O presidente do IPB considera que este projecto, para além de embelezar o IPB e a cidade, vai trazer melhorias à qualidade de vida dos cidadãos e às condições de prática desportiva dos alunos do politécnico.

A infra-estrutura, orçada em dois milhões de euros, integra um projecto autárquico, candidatado a fundos comunitários, o “Bragança Activa”, que deverá estar concluído em 2012.

Este projecto, no valor de sete milhões de euros, prevê um conjunto de intervenções a realizar em toda a cidade, desde logo passando pela criação de um conjunto de ciclovias para a cidade. Está já prevista a construção de outra ciclovia na zona da Mãe d’ Água que, no futuro, será interligada com a ciclovia agora em construção. Ao mesmo tempo serão criados mais espaços verdes, junto à zona Polis e ao Loreto, e, no bairro da Coxa, será construído um parque.

Jorge Nunes explicou que este conjunto de obras foi definido no âmbito da Agenda 21 Local e visa “melhorar a qualidade de vida dos cidadãos, criando condições de mobilidade crescente”.

Há intervenções previstas ainda para o centro histórico que vão desde a recuperação de antigos edifícios à instalação de um gabinete de eco-construção e à promoção de actividades culturais e desportivas.

A nível cultural a câmara quer ainda adaptar a antiga Escola Primária do Loreto para uma Escola Municipal de Dança. Actualmente a Escola de Dança está sob a responsabilidade da Junta de Freguesia da Sé e, segundo o autarca, “superou todas as expectativas” em termos de alunos e ao nível do próprio ensino. No entanto, Jorge Nunes pretende assim “consolidar uma estratégia mais vocacional e profissional para esta área”.

O autarca destaca ainda o projecto para a recuperação do antigo forno do Bairro Além Rio onde, antigamente, se cozia o pão que fornecia os exércitos que estavam na cidade. A recuperação será levada a cabo com a ajuda e colaboração da Associação de Moradores que pretende, depois, promover ali várias iniciativas culturais.



Related Posts with Thumbnails
últ. comentários
obrigado Cris:)
Bem vinda :))
Helder Fráguas sofreu a perda da sua companheira, ...
Para mim e para muita gente a volta às adegas para...
Estou habituado na leitura de blogs on line, adoro...
me llamo fedra soy de santa fe argentina tengo 9 ...
Carissimos,Eu não sei quem inseriu o comentário em...
todos os comentários estão disponíveis e vísiveis.
Como faço para ler os outros comentários ? Ou esse...
deixo aqui o meu comentário; por acaso pude apreci...
Locations of visitors to this page
Eu sou Jornalista
pesquisar neste blog
 
Junho 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
14
17
20
27
28
blogs SAPO